Estou ciente de que os dados fornecidos são exclusivamente para cadastro mencionado no formulário. Após finalização, os dados serão armazenados pela Deltec Contabilidade de forma segura, apenas com a finalidade de manter histórico de atividades realizadas e sem hipótese de transmissão a terceiros, conforme Lei nº. 13.709/2018 - Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD)
Para mais informações, você pode visitar nossa Política de Privacidade.
HÁ MAIS DE 40 ANOS NO MERCADO




Tentativas de fraude digital no Brasil aumentam 20% no segundo trimestre de 2022


Pelo segundo trimestre consecutivo, a taxa de tentativas de fraude digital global no setor de seguros registrou o maior aumento ano a ano, crescendo 159% na comparação do período de 1º de abril a 30 de junho de 2022 com o mesmo período de 2021.

A tendência também foi de crescimento na taxa de tentativa de fraude digital entre 1º de janeiro e 31 de março de 2022 em comparação com o mesmo período de 2021 (+134%).

Apesar desta escalada, a análise trimestral de fraudes (Quarterly Fraud Trends) da TransUnion observou que a taxa de tentativas de fraude digital em todos os setores diminuiu globalmente em -14% se comparado o segundo trimestre de 2022 com o segundo trimestre de 2021.

Para transações originadas no Brasil, as tentativas de fraude digital aumentaram 20% no mesmo período.

A análise chegou às suas conclusões sobre tentativas de fraude contra empresas com base em bilhões de transações avaliadas em mais de 40 mil sites e aplicativos. As porcentagens de tentativas de fraude são aquelas em que as empresas clientes do TruValidate receberam uma recomendação para revisão ou negativa em decorrência do apontamento de indicadores de fraude, em comparação com todas as transações que foram avaliadas por fraude.

Os segmentos que registraram os maiores declínios nas taxas de suspeitas de fraude digital globalmente do segundo trimestre de 2022, comparado ao segundo trimestre de 2021, incluíram games, viagens & lazer e varejo. Houve crescimento global apenas nos setores de seguros e logística durante esse período.

A fraude em benefício próprio foi a principal realizada no segmento de seguros em todo mundo. Este tipo envolve aplicações fraudulentas contendo informações intencionalmente imprecisas ou manipuladas fornecidas pelo segurado com o objetivo de receber certificação, tarifas mais baixas ou melhores condições para uma apólice/contrato.

“Observamos tendências preocupantes no primeiro semestre de 2022, com suspeitas de atividades fraudulentas no setor de seguros continuando a aumentar no período”, diz Shai Cohen, Vice-Presidente Sênior de Soluções Globais de Fraude da TransUnion. “Nos últimos anos, notamos fraudadores mudarem seu foco no setor a cada trimestre. Neste momento, acreditamos que o setor de seguros está sendo vítima de ‘fraudes mais leves’ porque alguns consumidores podem estar representando suas apólices incorretamente em um esforço para economizar dinheiro, especialmente em um ambiente de alta inflação que coloca mais pressão em seus bolsos”.

Os segmentos que registraram os maiores declínios nas taxas de suspeitas de fraude digital globalmente do segundo trimestre de 2022, comparado ao segundo trimestre de 2021, incluíram games, viagens & lazer e varejo. Houve crescimento global apenas nos setores de seguros e logística durante esse período.

A fraude em benefício próprio foi a principal realizada no segmento de seguros em todo mundo. Este tipo envolve aplicações fraudulentas contendo informações intencionalmente imprecisas ou manipuladas fornecidas pelo segurado com o objetivo de receber certificação, tarifas mais baixas ou melhores condições para uma apólice/contrato.

“Observamos tendências preocupantes no primeiro semestre de 2022, com suspeitas de atividades fraudulentas no setor de seguros continuando a aumentar no período”, diz Shai Cohen, Vice-Presidente Sênior de Soluções Globais de Fraude da TransUnion. “Nos últimos anos, notamos fraudadores mudarem seu foco no setor a cada trimestre. Neste momento, acreditamos que o setor de seguros está sendo vítima de ‘fraudes mais leves’ porque alguns consumidores podem estar representando suas apólices incorretamente em um esforço para economizar dinheiro, especialmente em um ambiente de alta inflação que coloca mais pressão em seus bolsos”.

Os segmentos que registraram os maiores declínios nas taxas de suspeitas de fraude digital globalmente do segundo trimestre de 2022, comparado ao segundo trimestre de 2021, incluíram games, viagens & lazer e varejo. Houve crescimento global apenas nos setores de seguros e logística durante esse período.

A fraude em benefício próprio foi a principal realizada no segmento de seguros em todo mundo. Este tipo envolve aplicações fraudulentas contendo informações intencionalmente imprecisas ou manipuladas fornecidas pelo segurado com o objetivo de receber certificação, tarifas mais baixas ou melhores condições para uma apólice/contrato.

“Observamos tendências preocupantes no primeiro semestre de 2022, com suspeitas de atividades fraudulentas no setor de seguros continuando a aumentar no período”, diz Shai Cohen, Vice-Presidente Sênior de Soluções Globais de Fraude da TransUnion. “Nos últimos anos, notamos fraudadores mudarem seu foco no setor a cada trimestre. Neste momento, acreditamos que o setor de seguros está sendo vítima de ‘fraudes mais leves’ porque alguns consumidores podem estar representando suas apólices incorretamente em um esforço para economizar dinheiro, especialmente em um ambiente de alta inflação que coloca mais pressão em seus bolsos”.

Fonte: Olhar Digital | 15/09/2022